Abu Dhabi anunciou o que será a maior planta solar do mundo

Abu Dhabi anunciou o que será a maior planta solar independente do mundo, disse o vice-presidente do Conselho Executivo do país. A fábrica de 1.177MW, chamada Noor Abu Dhabi, custará AED3.2 bilhões (US $ 871 milhões) e supera os 648MW da Índia em Tamil Nadu e a fazenda solar Desert Sunlgiht de 550 MW na Califórnia. Noor será construído em Suweihan, a 120 km a sudeste da capital.

A Autoridade de Águas e Eletricidade de Abu Dhabi (ADWEA), um consórcio da Marubeni Corp do Japão e a JinkoSolar serão solidariamente responsáveis ​​pela construção e operação da planta. Espera-se que esteja operacional no segundo trimestre de 2019. A ADWEA e o governo de Abu Dhabi serão proprietários de 60% da planta, sendo que os 40% restantes são mantidos por Marubeni e JinkoSolar. O gigantesco projeto faz parte da tentativa dos Emirados Árabes Unidos de diversificar suas fontes de energia e trabalhar para uma economia de baixo carbono. Sob a sua “Estratégia de Energia Limpa 2050”, o emirado planeja aumentar a contribuição de energia limpa na produção total de energia para 7% até 2020, 25% em 2030 e 75% até 2050.

A planta foi lançada em uma cerimônia na semana passada, com a presença do presidente Sheikh Khalifa bin Zayed Al Nahyan, do Sheikh Mohamed bin Zayed Al Nahyan, Príncipe herdeiro de Abu Dhabi e vice-comandante supremo das Forças Armadas dos Emirados Árabes Unidos.